Amazon cancela Silk, heroína das HQs do Homem-Aranha, após 5 anos de produção

Infelizmente, os fãs não terão a chance de ver a história de Silk nas telas. Silk: Spider Society seria uma série baseada na personagem Silk, do universo do Homem-Aranha, que foi oficialmente cancelada pela Amazon MGM Studios antes mesmo de sua estreia.

A adaptação dos quadrinhos homônimos da Marvel estava em produção por cinco anos e havia recebido sinal verde há dois. Cindy Moon, a jovem que foi picada pela mesma aranha que transformou Peter Parker no Homem-Aranha, adotava o alter-ego de Silk.

Nos rascunhos originais da adaptação, a personagem era descrita como “um espírito indomável que não consegue deixar de se importar com outros, ela é inteligente, autoconfiante, engraçada e tenta agradar a todos ao seu redor por conta de sua extrema empatia”.

A série exploraria sua vida no Queens, lidando com problemas de identidade, herança e combate ao crime. Angela Kang, conhecida por seu trabalho em The Walking Dead, estava atada como showrunner, e Phil Lord e Chris Miller (Homem-Aranha no Aranhaverso), ao lado de Amy Pascal, da Sony Pictures, entrariam como produtores.

Redação

Postagem Anterior Próxima Postagem