‘Vendi todo o meu patrimônio e no final tinha R$ 7 na conta’, diz Sérgio Mallandro sobre dificuldade financeira nos anos 1990


Filme Mallandro - o errado que deu certo conta com participações especial de Xuxa (Crédito: Instagram/ Sérgio Mallandro)


O apresentador Sérgio Mallandro voltou às salas de cinema para estrelar o filme ‘Mallandro – o errado que deu certo’, onde fala sobre a sua carreira e mostra o momento em que se viu falido, na década de 1990. A produção já está nos cinemas do país.

Em entrevista ao UOL, Mallandro contou que teve que se reinventar na carreira após perder a sua BMW e vender boa parte do seu patrimônio.

“Fiquei três anos vendendo todo o meu patrimônio e no final eu tinha R$ 7. Eu pensei: e agora? Aí eu saia pela rua com projeto na mão, batia aqui, não, batia ali, não, batia lá, não, até que o Amilcare [Dallevo] e o Marcelo de Carvalho produziam um programa independente na CNT/ Gazeta, o Domingo Milionário, e me chamaram”, relembra.

Uma das pegadinhas mais lembradas dessa época é a que Sérgio Mallandro entra em um ônibus e ameaça explodi-lo, para o desespero dos passageiros. O apresentador lembra que essa pegadinha deixou o seu programa como líder de audiência e, após isso, assinou um contrato com a emissora.

Mallandro também conta que além de engraçado, o filme mostra como ele enfrentou essa dificuldade sem perder a sua essência.

“Objetivo é mostrar pras pessoas não desistirem do que realmente acredita. Teve um momento da vida, em 1996, que, quebrado, comecei a fazer show no interior do interior, mas não desistia. Não perdi a minha essência porque perdi tudo”, afirmou.

O filme entrou em cartaz no dia 13 de junho e conta com participações especiais de Xuxa, Zico, Nani People e outros.

Redação

Postagem Anterior Próxima Postagem